Informações Conselhos

Onde você pode encontrar informações e outros serviços?

Participar na vida ativa social e cultural

Na Valônia e em Bruxelas, além dos serviços individuais que elas podem fornecê-lo (orientação, apoio sócio- médico – psicológico…), muitas associações organizam atividades sociais e culturais, em que você, em função dos seus interesses, poderá participar: organizações de defesa dos direitos humanos, associações de mulheres, centros de proteção da natureza, cidadãos coletivos… Elas trabalham ou no nível local, no seu bairro, no seu município, ou em um nível mais global, a nível da região ou da Federação. Entre elas encontramos por exemplo:

  • associações culturais e de education permanente,
  • movimentos, centros de associações de jovens,
  • associações de migrantes, ou que estão preocupadas com questões de migração.

Não hesite em se informar sobre os objetivos e atividades dessas associações através dos escritórios de recepção ou integração regional, ou diretamente na internet.

Serviços de acompanhamento aos recém-chegados

Essas associações oferecem informações, acompanhamento e orientação para os recém-chegados. Elas conhecem as necessidadesdos dos recém-chegados e podem oferecer ajuda prática.

EM BRUXELAS

  • 1000 Bruxelas
  • Maison de la Solidarité
  • Place Sainte-Catherine 44A
  • Tél. : 02/279.63.80
  • Fax : 02/279.63.89
  • 1030 Schaerbeek
  • ATMOSPHÈRE AMO (Association d’aide aux jeunes)
  • Place de la Reine, 35
  • Tél./fax. : 02/218.87.88
  • GSM : 0484/953.288
  • www.atmosphere-amo.be
  • 1050 Ixelles(Elsene)
  • CIRÉ (Coordination et initiatives pour réfugiés et étrangers)
  • Rue du Vivier, 80/82
  • Tél. : 02/629.77.10
  • GSM : 0484/953.288
  • www.cire.be
  • 1070 Anderlecht
  • CONVERGENCE
  • Boulevard de la Révision 36-38
  • Tél. : 02/523.82.46
  • GSM : 0473/81.61.55
  • www.convergence.be
  • 1080 Molenbeek-Saint-Jean
  • SAMPA (Service d’Aide aux Molenbeekois Primo-Arrivants)
  • Rue Comte de Flandre 15
  • Tél. : 02/422.06.11
  • Fax : 02/422.06.27
  • www.molenbeek.be
  • 1190 Forest
  • CONVIVIAL (Mouvement d’insertion des réfugiés)
  • Rue du Charroi 33-35
  • Tél. : 02/503.43.46
  • Fax : 02/503.19.74
  • www.convivial.be
  • 1210 Saint-Josse
  • LA VOIX DES FEMMES
  • Rue de l’Alliance 20
  • Tél. : 02/218.77.87
  • Fax : 02/219.60.85
  • www.lavoixdesfemmes.org
  • Serviço neerlandófonico
  • BON (Escritório de acolhimento de bruxelas de pessoas de origem estrangeira)
  • Rue de l’Avenir 35 – 1080 Molenbeek-Saint-Jean
  • Rue Ph. de Champagne 23 – 1000 Bruxelles
  • Place Colignon 4 – 1030 Schaerbeek
  • Tél. : 02/501.66.80
  • www.bon.be

Na VALÔNIA – CENTRO REGIONAIS
DE INTEGRACÃO

  • Brabant wallon
  • CRIBW(Centro Regional de Integração de Brabant Wallon)
  • Rue de Mons 17/1 – 1480 Tubize
  • Tél. : 02/366.05.51
  • www.cribw.be
  • Charleroi 
  • CRIC (Centro Regional de Integração de Charleroi)
  • Rue Hanoteau 23 – 6060 Gilly
  • Tél. : 071/20.98.60
  • www.cricharleroi.be
  • La Louvière 
  • CeRAIC (Centro Regional de Ação intercultural da Região Central)
  • Rue Dieudonné François 43 – 7100 Trivières (La Louvière)
  • Tél. : 064/23.86.56
  • www.ceraic.be
  • Liège
  • CRIPEL (Centro Regional para a Integração
    de Pessoas Estrangeiras ou de origem
    estrangeira de Liège)
  • Place Xavier Neujean 19B – 4000 Liège
  • Tél. : 04/220.01.20
  • www.cripel.be
  • Mons
  • CIMB (Centro Intercultural de Mons e do Borinage)
  • Rue Grande, 56 – 7330 Saint-Ghislain
  • Tél. : 065/61.18.50
  • www.cimb.be
  • Namur 
  • CAI (Centro de Ação Intercultural da província de Namur)
  • Rue Docteur Haibe 2 – 5002 Saint-Servais (Namur)
  • Tél. : 081/73.71.76
  • www.cainamur.be
  • Verviers 
  • CRVI (Centro Regional de Verviers para a integração da Pessoas Estrangeiras ou de origem estrangeira))
  • Rue de Rome 17 – 4800 Verviers
  • Tél. : 087/35.35.20
  • www.crvi.be

Recursos Internet

INFORMACÕES PARA RECÉM-CHEGADOS

Existe um site sobre a legislação e os procedimentos para estrangeiros (estadia, emprego, habitação, etc.)

INFORMACÕES DE UTILIDADE GERAL

Outro site vai lhe trazer informações completas para guiá-lo em habitação, saúde, emprego e outras necessidades importantes:

O portal “cidadãos” do site da Federação Valônia- Bruxelas vai lhe trazer informações relacionadas à sua vida diária e dos diferentes temas abordados nesta cartilha:

A BÉLGICA E SUA REGIÃO

Site da Bélgica Federal :

Site da Região de Bruxelas -Capital:

Site da Região da Valônia:

SUA CIDADE E SEU MUNICIPIO

A maioria dos municipios possuem um site internet. Por exemplo:

Se informe no seu municipio ou na sua cidade ou a partir destes:

  • Associação da Cidade e Municípios das Região do Bruxelas–Capital : www.avcb.be
  • A União das Cidades e Municípios : www.uvcw.be

INTERNET

Você não tem acesso à Internet? Na Valônia, você pode entrar em contato com um Espaço Público Digital (EPN):

Em muitas bibliotecas municipais, o acesso à Internet é gratuito.

A maioria dos sites listados nesta cartilha são bilíngues (francês e neerlandês). Alguns também estão disponíveis em inglês e alemão. Instruções para alterar o idioma (fr/ nl/de/en, etc.) aparecem com mais frequência na parte superior a direita.

Você não sabe o suficiente sobre a língua para ver esses sites individuais ? Tenha um profissional, um vizinho, um amigo, uma pessoa familiarizada com a língua para guiá-lo através destes sites

Recursos especificos

AJUDA JURIDICA

Para conselho jurídico (pedido de estadia, divórcio, conflito a respeito de habitação, conflito com uma empresa privada, etc.), Você pode entrar em contato com um advogado. Você encontrará os dados de advogados no site

Você poderá também entrar em contato com o Bureau d’aide juridique (BAJ) (escritório de ajuda jurídica) para uma primeira consulta jurídica gratuita. Para um procedimento ou conselhos detalhados, um advogado pode ser nomeado se você estiver dentro das condições de renda. Você encontrará os dados de um BAJ perto de você no site

A Associação dos Direitos dos Estrangeiros (ADDE) é responsável pela divulgação dos direitos dos estrangeiros à serviço da justiça social. Fornece conselhos juridicos gratuitos por e-mail, por telefone e com hora marcada. Ela também pode encaminhá-lo para uma associação perto de você: 02/227.42.41 servicejuridique@adde.be

O Centro para a igualdade de oportunidades dispõe também de um serviço de ajuda jurídica especializada em direito dos estrangeiros. Para localizar um local perto de você: número de telefone gratuito 0800/12800.

Alguns centros de planejamento familial também oferecem aconselhamento jurídico (direito de família).

IVocê também tem a possibilidade de solicitar um mediador  [do action=”tooltips”conversa com uma pessoa externa neutra para tentar resolver um problema ou resolver um conflito.[/do], , caso você queira resolver um conflito conversando com uma pessoa exterior evitando um processo judicial.

A maioria dos serviços privados (bancos, asseguradoras, operadoras de telecomunicações, …) têm um mediador.

AJUDA SOCIAL

Os centros públicos de ação social (CPAS) oferecem ajuda e acompanhamento caso você tenha um problema material, social, psicológico ou médico. O CPAS pode ajudá-lo de várias formas: ele te informa, te acompanha em seus procedimentos ou um acesso à assistência financeira, cestas básicas , ajudando você a encontrar um emprego. Para poder ter acesso ao CPAS, você deve cumprir uma série de condições. Há um CPAS em cada município..

DISCRIMINACÃO

O Centro para a Igualdade de Oportunidades, da luta contra o racismo e o instituto para a igualdade entre mulheres e homens oferecem apoio às vítimas de discriminação. Para registrar uma queixa ou para encontrar uma local perto de você: número de telefone gratuito: 0800/12800.

Tradução e interpretação

Se você não dominar a linguagem escrita, entre em contato com um serviço social, juridico ou associativo que se situa perto de você.

Para mais informações, contate o seu município.

Se você tiver dificuldades para falar ou compreender a língua da região, existe um serviço especializado em tradução e interpretação. O pedido deve ser feito por uma estrutura social (associação, município, hospital, centro médico, etc.). Converse com o seu interlocutor. O serviço é chamado SeTIS (Serviços de Tradução e Interpretação em meio social).

SITUACÃO IRREGULAR

Se você se encontra em situação irregular, existem serviços especializados para te aconselhar (saúde, habitação, emprego, etc.)

Violência doméstica

Se você ou uma pessoa a seu redor forem vítimas de violência doméstica, você pode conversar através da linha de escuta de violência doméstica (telefone gratuito 0800 300 30).

Uma pessoa irá te ouvir, aconselhar e orientá-lo.

Em caso de emergência, ou para dar queixa, pode entrar em contato com a policia.